Divulgada caixa-preta de Gol

A Rede Record divulgou os últimos diálogos registrados pela caixa-preta de voz do Boeing 737-800 da Gol, que caiu em setembro do ano passado, matando as 154 pessoas a bordo. A gravação, obtida na Justiça por parentes de uma das vítimas, mostra que os pilotos não tiveram tempo de perceber que haviam sido atingidos por outra aeronave. O som ambiente indica que o comandante Décio Chaves Júnior e o co-piloto Thiago Jordão Caruso olhavam fotografias quando foram surpreendidos pelo barulho do impacto. Em seguida, alarmes sonoros e pedidos de mayday (socorro) começam a soar dentro da cabine. Um dos pilotos diz "Ai, meu Deus do céu", enquanto outro procura acalmá-lo - "Calma, calma!". Aos poucos, o som dos alarmes é abafado por um forte ruído de vento. A gravação é interrompida 53 segundos após a colisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.