DNA para identificar padre sai em 40 dias

O resultado do exame de DNA que deverá comprovar se é do padre Adelir de Carli o corpo encontrado no mar na quinta-feira não ficará pronto antes de 40 dias, segundo Paulo Alves, diretor do IML de Macaé (RJ). A família do padre, que sumiu em abril durante vôo com balões, será procurada pelo Instituto de Genética amanhã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.