Dois caem no fosso de elevador de hotel em Minas e um morre

Segundo bombeiros, funcionários do Hotel Othon Palace de Belo Horizonte estavam no 25º andar quando caíram

Solange Spigliatti, estadao.com.br

17 Fevereiro 2009 | 14h36

Um homem morreu e outro ficou ferido na noite desta segunda-feira depois que ambos caíram no fosso do elevador do Hotel Othon Palace, no centro de Belo Horizonte. Segundo o Corpo de Bombeiros, os funcionários Wellington Marinho da Silva, de 26 anos, e Claudio Damião Rodrigues de Gouvêa, de 21, caíram do 25.º andar do prédio sobre a cabine do elevador, por volta das 21h15.   Os bombeiros ainda não confirmaram o andar no qual a cabine do elevador se encontrava no momento da queda. Silva morreu na hora e Gouvêa foi encaminhado para o Hospital João XXIII, com escoriações, queimaduras nas mãos e pequenos traumas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.