Dois habeas corpus em favor de Gil Rugai em julgamento

A 4a. Câmara Criminal do Tribunal de Justiça começou a julgar hoje dois habeas corpus em favor de Gil Grego Rugai, acusado de matar o pai, Luiz Carlos Rugai, e a madrasta Alessandra Fátima Detroitino. Um deles visa a revogação da prisão preventiva de Gil, e o outro a anulação do processo, sob alegação de ?inépsia? da denúncia, que não descreveria a conduta criminosa atribuída ao acusado. O julgamento foi suspenso após o voto do relator, desembargador Canelas de Godói, negando os dois habeas corpus. Será encerrado na próxima segunda-feira com os votos dos desembargadores Bittencourt Rodrigues, que ontem pediu adiamento, e Hélio de Freitas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.