Dois tigres escapam do zôo. Suspeita-se de sabotagem

Dois tigres - uma fêmea de 12 e um macho de seis anos - escaparam de suas jaulas hoje por volta das 12 horas, no zoológico municipal de Bauru e tiveram de ser sacrificados. Ao saírem da jaula, o macho foi brigar com o leão, na jaula vizinha, e a fêmea atacou a camela, mordendo-lhe a barriga. Os funcionários do parque tentaram imobiliza-los com dardos anestésicos nas não conseguiram devido ao alto grau de irritação de ambos. Duas doses foram administrada em cada um mas mesmo assim, os animais, que se refugiaram numa pequena mata anexa, não cederam. Uma hora e 40 minutos depois de iniciadas as tentativas de recaptura, os dois foram mortos à tiro, conforme determina o protocolo de segurança. Os animais serão agora entregues ao Museu de História Natural de Cornélio Procópio (PR) e a Prefeitura realizará sindicância para apurar o acontecimento. Suspeita-se de sabotagem pois o alambrado que cerca a jaula esta cortado. Por causa disso, o diretor do parque, Luiz Antonio da Silva Pires, registrou boletim de ocorrência policial e espera que as investigações levem aos responsáveis. O fato foi, também, comunicado à Sociedade Brasileira de Zoológicos, que se encontra reunida no Rio de Janeiro. O zoológico de Bauru existe há mais de 20 anos e abriga mil animais. É bastante visitado e realiza experiências e cursos de preservação animal. Antes desse, foi registrado apenas um incidente com animais, há oito anos, quando um macaco de grande porte escapou e também teve de ser sacrificado.Não houve feridos entre os funcionários da captura e a camela atacada teve apenas ferimento leve.

Agencia Estado,

03 de junho de 2004 | 18h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.