Dono de farmácia é morto durante assalto no Rio

O comerciante Eduardo Lopes, de 57 anos, dono de uma farmácia localizada na Avenida Ademar Bebiano - antiga Estrada da Pavuna - no bairro de Inhaúma, na zona norte do Rio, foi morto por volta das 20h de quarta-feira, ao ter seu estabelecimento comercial assaltado por dois homens. Segundo a polícia, os criminosos chegaram de moto, um deles desceu e anunciou o assalto, ao entrar na farmácia. Um funcionário da drogaria conseguiu fugir e pediu ajuda a policiais militares do 3º Batalhão que faziam patrulhamento pela avenida.O assaltante que estava na moto fugiu, mas o outro, que já havia separado todo o dinheiro do caixa numa bolsa, trancou-se no banheiro com Lopes. De acordo com os policiais, ao entrarem na farmácia, eles ouviram o tiro. O assaltante tentou fugir e trocou tiros com a polícia. Ele também foi baleado.Tanto o assaltante quanto Lopes morreram a caminho do hospital. O dinheiro retirado do caixa foi recuperado pela policia. O latrocínio foi registrado no 44º Distrito Policial, de Inhaúma.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.