Dono de importadora é preso acusado de tráfico de drogas

A Polícia de São Paulo cumpriu nesta terça-feira, 12, 19 mandados de prisão na região do Grande ABCD, entre eles um empresário dono de uma importadora. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Segurança Pública, as investigações começaram a partir da prisão de um líder do Primeiro Comando da Capital (PCC).Os agentes descobriram que a empresa, com sede no município de São Caetano do Sul e filial em Santa Catarina, importava lidocaína, cafeína e ácido clorídrico, produtos normalmente utilizados na mistura de cocaína. Depois, o tóxico era refinado em Praia Grande, Diadema e na própria capital paulista. A distribuição do entorpecente acontecia em seguida no litoral sul e no Grande ABC paulista.Até o final da tarde de terça, já haviam sido apreendidos 30 quilos de cocaína, uma balança de precisão e o material empregado no refino da droga. O dono da importadora, um motorista e dois ajudantes foram presos, mas os nomes ainda não foram divulgados. Outros mandados ainda estão sendo cumpridos pelos policiais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.