Dos presos indultados, 32 já voltaram à cadeia por novos crimes

Muito dos detentos que receberam liberdade para passar o Dia dos Pais em casa aproveitaram para voltar à marginalidade. Balanço da Secretaria da Segurança Pública aponta que do dia 11 até este domingo, 13, 32 indultados voltaram para a cadeia mais cedo. Outros dois foram mortos na sexta-feira. Os detentos presos novamente cometeram diversos delitos, que vão desde desacato, porte de drogas, dirigir sem habilitação, tentativa de homicídio, tráfico de entorpecente e roubo.Segundo a Administração Penitenciária (SAP) do Estado, 13.085 detentos receberam o benefício do indulto. O clima era de atenção nas penitenciárias de São Paulo para o Dia dos Pais, principalmente no oeste paulista, onde está detida a maioria dos líderes do Primeiro Comando da Capital (PCC). Apesar disso, na maioria das unidades prisionais, o domingo foi tranqüilo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.