Duas meninas são vítimas de violência em GO

Duas meninas foram vítimas de violência doméstica na madrugada de ontem, em Goiânia. Elas estão internadas em estado gravíssimo. S., de 1 ano, sofreu traumatismo craniano ao ser arremessada contra a parede pelo pai, o PM reformado Abrão da Conceição. Ele foi preso por tentativa de homicídio. Em outra casa, uma hora depois, um bebê de 9 meses recebeu golpes de tesoura no pescoço e pulmão. Alegando ouvir "uma voz estranha", que teria ordenado "o sacrifício da menina", a mãe, Ivonete de Morais, agrediu a filha no banheiro. O pai disse que tentou intervir, mas também foi preso.

Rubens Santos, O Estadao de S.Paulo

20 de março de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.