Reprodução Google Street View
Reprodução Google Street View

Duas pessoas são feridas em operação militar na zona norte do Rio

Polícia Militar afirma que foi recebida a tiros e, ao responder, houve confronto

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

15 Setembro 2018 | 11h11

RIO -  Um militar e um civil foram feridos no início da manhã deste sábado, 15, durante uma operação no Complexo da Penha, zona norte do Rio. O militar foi levado para o Hospital Central do Exército. Já o civil, atingido por estilhaços, recebeu socorros no local.  O Comando Militar do Leste (CML) não forneceu informações sobre o estado de saúde dos feridos e os seus nomes.

Segundo nota do comando conjunto, a Polícia Militar foi recebida a tiros e, ao responder, houve confronto. "Quando da posterior aproximação das Forças Armadas, um militar foi atingido por disparo de arma de fogo oriundo de uma escola pública (CIEP) do Complexo da Penha", informou, por nota, o CML.

De acordo com o comando, a ação tem o intuito de verificar denúncias de atividades criminosas em comunidades da Zona Norte. Ainda não há balanço sobre a operação. Moradores relatam, pelas redes sociais, ouvir tiroteios na comunidade desde a madrugada. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.