Dudu Nobre diz que sofreu racismo em vôo

O músico Dudu Nobre e sua mulher, a dançarina Adriana Bombom, registraram queixa por agressão e injúria racial na Polícia Federal do Aeroporto Tom Jobim, no Rio, contra comissários da American Airlines, anteontem. Durante o vôo 951 (Nova York-São Paulo-Rio), o casal teria sido chamado de "burro" e "idiota", e visto um dos funcionários da empresa fazer imitações de macaco. Eles acusam o empregado de ter agredido um amigo do casal. Em nota, o diretor comercial da American, Dilson Verçoza Jr., informou que abriu investigação para "saber o que realmente aconteceu". Segundo a nota, o casal não fez "reclamação oficial à companhia".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.