Dupla é presa depois de seqüestrar casal na Raposo Tavares

Dois homens foram presos na noite de segunda-feira depois de fazerem como reféns um casal durante seqüestro relâmpago na cidade de Cotia, na Grande São Paulo. Armados com uma pistola de brinquedo, Iranildo Moreira Roseira, de 20 anos, e Renato Henrique Alves Lima, de 18, foram detidos por policiais militares.As vítimas, que pediram para não serem identificadas, ocupavam um Corsa Wagon azul quando foram abordadas pela dupla no acesso à pista sentido interior-capital da Rodovia Raposo Tavares, na altura do quilômetro 22, em Cotia.Portando a falsa pistola, Renato mandou o casal passar para o banco de trás. Após tomarem relógios, carteiras e alianças das vítimas, os criminosos começaram a ser perseguidos por policiais militares da 4ª Companhia do 16º Batalhão. Uma testemunha havia presenciado a abordagem ao casal e ligou para o 190.A perseguição terminou na altura do quilômetro 18, no acesso ao Jardim Educandário, zona oeste da capital, onde Iranildo, que dirigia o veículo, bateu o carro contra uma árvore. Iranildo e Renato foram autuados em flagrante no 91º Distrito Policial, de Vila Leopoldina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.