Dupla grava comemoração de assalto e vai presa em Londrina

Assaltantes roubaram carro e tiraram fotos no celular da vítima, comemorando o sucesso do assalto

Evandro Fadel, do Estado de S. Paulo,

08 de fevereiro de 2008 | 15h43

A comemoração de um assalto levou uma dupla à prisão em Londrina, na quinta-feira, 07. André Luiz da Silva e Luciano dos Santos, ambos de 20 anos, gravaram as imagens da comemoração em um telefone celular da vítima. O aparelho acabou caindo nas mãos da polícia. Os dois foram detidos em suas casas no Conjunto Luís de Sá, na região norte da cidade, logo após serem identificados.   Os bandidos haviam abordado um engenheiro, de nome mantido em sigilo, quando a vítima parou com seu Golf em um semáforo, no centro da cidade. Depois de ser obrigado a circular por Londrina com um revólver apontado para a cabeça, o engenheiro foi abandonado em um matagal, na periferia da cidade. A polícia foi avisada e iniciou as investigações para localizar o automóvel.   Na tentativa de despistar, os assaltantes entraram num motel, onde permaneceram por aproximadamente duas horas. Ao saírem, acabaram colidindo contra um poste, no distrito de Heimtal, a cerca de 8 quilômetros do centro da cidade. Eles deixaram o carro e fugiram. A polícia encontrou o veículo, que estava com a frente bastante destruída, e devolveu-o ao engenheiro, juntamente com o aparelho celular, esquecido no local pelos assaltantes.   Quando o dono foi checar os arquivos, encontrou as imagens dos dois assaltantes, tomando cerveja, exibindo uma arma e fazendo poses de heróis.   As fotos foram repassadas à polícia, que não teve dificuldade em identificar os assaltantes. Os dois já têm passagem pela polícia. A arma das fotos não foi encontrada, mas a dupla foi autuada por roubo de veículo.

Tudo o que sabemos sobre:
comemoração de assalto londrina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.