VíTOR ROSA/Agência RBS
VíTOR ROSA/Agência RBS

Dupla tenta raptar bebê do colo da mãe em Porto Alegre

Mulher foi abordada depois de descer do ônibus em uma das avenidas mais movimentadas da cidade

Chico Guevara, Especial para O Estado

05 Janeiro 2016 | 17h05

PORTO ALEGRE - A Polícia Civil do Rio Grande do Sul investiga um casal suspeito de tentar levar o bebê do colo da mãe na manhã desta terça-feira, 5, na Avenida Ipiranga, uma das mais movimentadas de Porto Alegre. O caso ocorreu em frente a uma escola, próxima ao Palácio da Polícia. A mãe lutou com a suspeita, que desistiu do rapto.

Eram cerca de 8h10 quando a dona de casa de 36 anos - que pediu para não ter a identidade revelada - desceu do ônibus da linha T1, no sentido bairro-centro da avenida. Com o filho de três meses nos braços, ela esperou na faixa de segurança para atravessar a via. Quando chegou do outro lado, foi abordada por uma mulher.

"Quando eu fui atravessar a passarela (em direção ao sentido oposto da via), estava esse carro parado. A mulher desceu e disse 'caiu ali, senhora'. Virei para ver o que era e ela se agarrou no meu filho. A gente ficou brigando, e eu não soltava ele. Aí o homem que estava no carro junto com ela disse: 'agora não dá'. Aí ela entrou no carro e saiu arrancando", relembra a vítima.

A mãe disse não poder identificar o veículo no qual a agressora entrou. Sabe apenas que era um carro preto. Sobre a mulher, ela lembra ter entre 20 e 30 anos, gorda, cabelos negros e mechas loiras, e bem vestida.

Mãe e bebê ficaram com escoriações, mas passam bem. Agora, a polícia busca imagens de câmeras de segurança da região para tentar identificar a dupla. Conforme o delegado Cesar Carrion, o fato é atípico na cidade. "Meu receio é que uma quadrilha especializada esteja atuando", ressaltou. 

Mais conteúdo sobre:
PORTO ALEGRE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.