Duplicação da Fernão Dias pode sair em 4 meses

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou hoje que a duplicação da Rodovia Fernão Dias poderá ser concluída em quatro meses, caso seja liberada a verba necessária do Ministério dos Transportes para a finalização da obra. De acordo com o governador, os recursos que cabiam ao governo do Estado, ou seja, 25% do custo total da obra, já foram utilizados. "O governo estadual está em dia com a verba da Fernão Dias." Segundo o secretário estadual dos Transportes, Michael Zeitlin, os recursos do governo federal que faltam ficam entre R$ 46 milhões e R$ 48 milhões. Ele afirmou que esses recursos serão aplicados no acabamento de cinco viadutos, na construção de uma ponte nova em Mairiporã e do trevo de entrada em Bragança Paulista.O deputado federal Alberto Goldman (PSDB-SP) atribuiu o atraso na liberação das verbas a dificuldades burocráticas e operacionais do governo federal. No entanto, segundo ele, a Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização vai pressionar o Ministério dos Transportes para que a verba seja liberada o mais rápido possível.

Agencia Estado,

29 de março de 2001 | 16h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.