É iminente confronto entre policiais e caminhoneiros no PR

Os manifestantes que bloqueiam desde o início da manhã desta segunda-feira a praça de pedágio de São Luiz do Purunã, na BR-277, a 50 quilômetros de Curitiba, não acataram liminar da Justiça dePonta Grossa que determina a reintegração de posse do local.Líderes da manifestação teriam se comprometido com policiais do Batalhão de Choque a retirar os veículos da pista, deixando a rodovia livre para o tráfego, mas não cumpriram o acordo. A polícia já se prepara para um possível confronto com os caminhoneiros. O protesto é organizado pelo Movimento Transporte Cidadão. O grupo é composto por representantes de cooperativas de caminhoneiros, empresários, políticos e líderes partidários. Eles querem a redução do pedágio em 50% para os caminhoneiros e o cancelamento do reajuste da tarifa, previsto para esta semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.