E-mail com vírus explora desastre

Como acontece em todo grande fato, a exemplo do caso Isabella e dos atentados do PCC, o acidente envolvendo o voo 447 da Air France virou tema e isca de milhares de e-mails que transmitem vírus. O golpe já tem várias vertentes - há e-mails que falam sobre fotos de mortos, sobre motivos da queda e outros até sobre sobreviventes encontrados pela Marinha. No fim, todas as mensagens pedem para que o internauta clique em links que contêm programas executáveis, usados para abrir portas do computador, roubar senhas, tornar a máquina distribuidor de vírus, worms e spywares.Um dos e-mails fala em "Resgate de dois sobreviventes choca o mundo" e pede para o internauta clicar em um vídeo. Outro finge ter sido enviado por um portal da internet e anuncia "Cenas fortes, tem de ter estômago". A única recomendação é não entrar em links que não sejam confiáveis e muito menos autorizar downloads.

, O Estadao de S.Paulo

11 de junho de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.