Eldorado vai fechar Parque da Mônica em 2010

Administradora alega que centro de diversão não atende público alvo

Naiana Oscar, O Estadao de S.Paulo

03 Julho 2009 | 00h00

O Parque da Mônica, instalado há 17 anos no Shopping Eldorado, deve deixar de funcionar para dar lugar a lojas. A nova administradora do shopping alega que a decisão foi tomada porque o empreendimento está passando por uma reestruturação e o parque não atende mais às expectativas do público. A empresa diz que o fechamento não deve ser imediato - provavelmente só deve ocorrer em 2010. A intenção do shopping de fechar o Parque da Mônica foi divulgada ontem por Mauricio de Sousa em uma página pessoal na internet. Criador da Turma e um dos proprietários da empresa que administra o parque - a RTS Empreendimentos e Participações -, ele afirma no site que está tentando negociar a permanência do parque na área de 9 mil metros em que está instalado atualmente. "No meio das comemorações do cinquentenário (da Turma da Mônica), uma notícia chata: o shopping pediu a área do Parque da Mônica de volta", afirmou. O empresário não quis fazer mais comentários sobre o assunto. Na internet, Sousa admite ainda a necessidade de encontrar um local adequado para a construção de um novo centro de diversões. "Naturalmente, não ficaremos sem parque." Segundo ele, havia planos de modernizar as instalações do Parque da Mônica, que estavam parados porque o shopping ameaçava se apropriar de um quarto da área. O contrato de aluguel dos dois subsolos ocupados pelo espaço de entretenimento deveria ser renovado a cada cinco anos, mas desde 2002 essa documentação não é atualizada, segundo a Assessoria de Imprensa da administradora. No ano passado, com os planos de revitalizar o empreendimento, a empresa entrou na Justiça para reaver a área. A assessoria afirma que obteve autorização judicial para se desfazer do parque, mas não prestou mais informações sobre a decisão. Também não informou se a RTS está em dia com o aluguel. Em nota, a administradora afirmou que os frequentadores do Shopping Eldorado mudaram principalmente depois da inauguração do Eldorado Business Tower, uma torre comercial com empresas de médio e grande portes, com 5 mil funcionários. "Esse contexto, com a utilização da área do Parque da Mônica, inaugurado em 1992, sem receber os investimentos necessários para ampliar sua atratividade com nível adequado de conforto aos nossos consumidores, levou a direção do shopping a buscar alternativas mais atualizadas, que estejam dentro das expectativas dos consumidores do Eldorado", diz o comunicado. O Parque da Mônica tem capacidade para abrigar até 2,5 mil pessoas simultaneamente. O complexo recebe um público mensal de 43 mil visitantes, dos quais 62% são da capital e outros 16% da Grande São Paulo. Nas declarações publicadas no site, Mauricio de Sousa expressa preocupação com o futuro dos 300 funcionários que trabalham no local. "Naturalmente, estamos temendo pelo emprego dessas pessoas." O Shopping Eldorado reforça que vai manter outras atrações para o público infantil no local, incluindo o Playland e o Teatro das Artes. FRASES Mauricio de Sousa Criador da Turma da Mônica "No meio das comemorações do cinquentenário (da Turma da Mônica), uma notícia chata: o shopping (Eldorado) pediu a área do Parque da Mônica de volta" "Naturalmente, não ficaremos sem parque" "Tememos pelo emprego dessas pessoas (que trabalham no Parque da Mônica)"

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.