Elevador despenca e deixa feridos em prédio da Prefeitura do Recife

No momento do acidente, 18 pessoas estavam dentro do equipamento, que tem capacidade para 22 passageiros

Mônica Bernardes, Especial para O Estado de S. Paulo

29 de agosto de 2013 | 18h59

Um dos três elevadores instalados no prédio da Prefeitura do Recife, localizado na região central da cidade, despencou do 15º andar no início da tarde desta quinta-feira, 29. No momento do acidente, 18 pessoas estavam dentro do equipamento, que tem capacidade para 22 passageiros. Sete pessoas ficaram feridas e foram levadas para unidades de saúde. Outras cinco receberam atendimento dos profissionais do serviço Móvel de Urgência (SAMU), no local e foram liberadas.

Segundo o administrador-geral do prédio, João Roberto, o elevador estaria entre o 10º e o 15º andar, quando o ascensorista percebeu que ele não estava respondendo aos comandos. "Ele acionou rapidamente o freio mecânico e veio descendo, não foi uma queda livre. Quando chegou aqui embaixo ele estava desnivelado e, por isso, não abriu a porta automaticamente. Tivemos que abrir por fora e tirar as pessoas", afirmou. O relato de testemunhas, no entanto, é de que o equipamento teria caído, em queda livre, até ser seguro pelo freio de emergência, já próximo ao térreo. A Polícia Civil de Pernambuco instaurou um inquérito para apurar as causas do acidente, procedimento normal quando há feridos, mesmo ninguém tendo prestado queixa.

 

Tudo o que sabemos sobre:
elevadorRecife

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.