Em 12 horas, chuva ultrapassa o dobro esperado para o mês inteiro no Rio

Temporal é o maior da história do Rio em 44 anos; chuvas são provocadas pelo avanço de uma forte frente fria pelo Sudeste

Fabiana Marchezi, do estadão.com.br

06 de abril de 2010 | 10h21

 

SÃO PAULO - Em menos de 12 horas, algumas áreas do Rio de Janeiro acumularam cerca de 300 milímetros de chuva. Mais do que no trágico ano de 1966, quando choveu 245 mm durante 24 horas, deixando 250 pessoas mortas e 50 mil desabrigados. De acordo com a Climatempo, o volume esperado para todo o mês de abril é de cerca de 140 milímetros. Na cidade, como um todo, o acumulado variou entre 150mm e 300mm.

 

Veja também:

linkNúmero de mortos passa de 100 e deve aumentar

linkLula e Cabral pedem para que população deixem áreas de risco

linkPrefeitura do Rio reconhece falhas na infraestrutura

linkChuva cancela mais da metade dos voos no Santos Dumont

linkLula coloca Marinha e Aeronáutica à disposição do governo do Rio

mais imagens Galeria de fotos: chuvas no Sudeste

 

Com apenas seis dias, o mês de abril já é o mais chuvoso no Rio de Janeiro desde 1997, quando começaram as medições do Alerta Rio, órgão ligado à prefeitura. A estação do Sumaré foi a que registrou maior volume de chuvas, com 325 milímetros. Em Vidigal, o volume acumulado foi de 244 milímetros, enquanto o esperado era para o mês era 67 milímetros.

 

As chuvas devem continuar no Rio de Janeiro ao menos até a próxima sexta-feira, 9, segundo previsão da Climatempo. O tempo deve continuar fechado e a partir de quarta-feira, 7, a intensidade da chuva varia entre fraca e moderada. A temperatura deve variar entre 18º e 25ºC.

 

O mau tempo é provocado pelo avanço de uma forte frente fria pelo Sudeste do Brasil e o intenso contraste térmico entre o ar polar e o ar quente tropical mantém as condições de chuva constante, variando entre moderada a forte intensidade. Além disso, a temperatura superficial das águas do Atlântico, perto do litoral fluminense, está cerca de 2 graus acima do normal.

 

A partir de sábado, 10, o tempo deve começar a melhorar no Rio, porém ainda há possibilidade de chuva fraca pela manhã e entre o fim da tarde e o início da noite. Os termômetros devem variar entre 16º e 28ºC. Para o domingo, 11, a previsão indica um tempo um pouco mais firme, com mais aberturas de sol e a temperatura pode chegar aos 29ºC.

 

Leia ainda:

link Jogadoras do Unilever dormem no Maracanãzinho devido à chuva

link Em meio ao caos, cariocas recorrem ao Twitter para obter informações

 

Texto atualizado às 19 horas.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Riochuvasmortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.