Em 2004, ele foi condenado a 8 anos em semiaberto

Em 2004, o ex-juiz Júlio César Afonso Cuginotti foi condenado a 8 anos em regime semiaberto, acusado de se apropriar de cerca de R$ 82.750 do espólio de Vera Lúcia Rodrigues quando era juiz da 4ª Vara Cível de São José do Rio Preto. O ex-juiz teria autorizado o saque do dinheiro da venda de um imóvel que constava na herança. O desfalque teria contado com a participação do advogado da família, Antonio José Gianini, e do ex-diretor do cartório Carlos Antonio Fagundes. Os dois também foram condenados. O ex-diretor do cartório pegou uma pena igual ao de Cuginotti. O advogado da família de Vera Lúcia foi condenado a 3 anos em regime semiaberto. O juiz que assumiu o lugar de Cuginotti também descobriu outro caso em que o ex-colega estaria envolvido. Dessa vez, ele e um cartorário teriam desviado R$ 5 mil da conta de um empresa em processo de falência. O caso ainda não foi concluído.

, O Estadao de S.Paulo

18 Julho 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.