Em dois dias, 3 morrem asfixiados durante banho no Rio

Uma jovem de 19 anos morreu nesta quarta-feira, 13, no banheiro de casa, provavelmente por inalação de gás. Carolina Rodrigues Macchiorlatti morava em Laranjeiras, zona sul do Rio, e foi encontrada desacordada pela irmã mais nova, que chamou os bombeiros. Quando os bombeiros chegaram ao local, Carolina já estava morta. Esta foi a terceira morte em condições parecidas em dois dias. Na terça-feira, 12, um jovem casal de namorados morreu quando tomava banho, na Tijuca, zona norte. Os corpos de Raquel Gonçalves Coutinho, de 15 anos, e Alexandre de Oliveira Martins, de 22, foram encontrados pelo irmão dela, que arrombou a porta do banheiro depois de estranhar a demora do casal e não ter obtido resposta ao chamá-los. O resultado do laudo cadavérico do Instituto Médico-Legal confirmou que eles morreram asfixiados por monóxido de carbono. Não foram constatados defeitos no aquecedor, mas o banheiro não estava adaptado às normas de segurança da Companhia Estadual de Gás. A hipótese de suicídio foi descartada pela polícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.