Em pleno inverno, calor continua em São Paulo

A quinta-feira, 10, foi mais um dia de forte calor na cidade de São Paulo. Após registrar a madrugada mais quente do inverno, com 19,7 graus, a capital paulista teve temperatura máxima de 30,1 graus nesta tarde, número alto para o inverno. A umidade do ar continuou baixa, não passando dos 29%.O calor da madrugada é explicado pela grande quantidade de nuvens sobre a capital. "A nebulosidade funciona como um cobertor, impedindo que a temperatura caia", explica o meteorologista da Climatempo, Marcelo Pinheiro. A madrugada desta sexta-feira, 11, também será abafada. O dia começa com pouca névoa, devido à passagem de uma frente fria pelo mar. Mas ela não vai mudar o tempo na capital. A temperatura mínima também será elevada. À tarde, a temperatura pode chegar aos 28 graus e a umidade deve aumentar, chegando aos 35%. "Mas ainda não há previsão de chuva", diz Pinheiro.O final de semana continuará com tempo aberto e bastante sol. As madrugadas serão mais frescas, mas as tardes serão quentes, na capital.No Litoral Norte Paulista, os termômetros marcaram 32 graus por volta das 14 horas. Apesar do calor, do sol e da água do mar, que estava agradável, as praias estavam quase desertas. Em Maresias, um dos lugares mais freqüentados do município de São Sebastião, havia poucas pessoas.Para o fim de semana o Centro de Previsão do Tempo (Cptec) do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) prevê características de verão: temperaturas máximas entre 30 e 31 graus e predomínio do sol. (Colaborou: Simone Menocchi)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.