Em Recife, outdoor pede Justiça

"Dois anos de saudade, dois anos sem respostas, dois anos sem justiça!" O lamento, indignado, está estampado desde anteontem em um outdoor instalado próximo ao Aeroporto Internacional dos Guararapes, que traz as fotos de sete das oito vítimas pernambucanas do vôo 1907 da Gol. O outdoor vai permanecer até 10 de outubro como homenagem aos mortos e um pedido por justiça. "Às vezes nem o espaço do céu é suficiente para o tamanho da estupidez humana", diz ainda o cartaz, assinado como uma homenagem dos familiares e parentes às vítimas do Recife. O presidente da regional estadual da Associação de Familiares e Amigos das Vítimas do Vôo 1907, Jorge Feliciano, destacou o desgaste dos familiares e a insatisfação com a demora nas investigações, nas punições, nos esclarecimentos do que realmente ocorreu e na indicação dos culpados. "A Aeronáutica nos prometeu resposta com um ano e até agora nada", reclamou. Segundo ele, a maioria dos parentes entrou com ação indenizatória, como forma de punir os culpados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.