Em São Paulo, táxi já cobra corrida com cartão

O temor de não ter dinheiro suficiente no bolso para pagar a corrida de táxi pode estar com os dias contados. Um equipamento instalado desde quinta-feira, 22, nos táxis em São Paulo, vai permitir o pagamento com cartão de crédito - de todas as administradoras - ou débito - de todos os bancos. O comprovante de pagamento terá a distância percorrida e os endereços de saída e chegada, além do nome do motorista e dados do veículo.O serviço não é obrigatório. Quem quiser aderir ao sistema terá de comprar o equipamento por R$ 2,5 mil, comercializado pela Taxipass, que testou o produto por dois meses. Em abril, será a vez do Rio e de Curitiba.O taxista terá de pagar taxa mensal de R$ 90,00 para manutenção do sistema da transação bancária. A empresa promete um desconto se o movimento do taxista com o equipamento ultrapassar R$ 900,00 no mês. ?Nossa expectativa é que de 30% a 40% da frota paulistana faça a adesão?, disse o diretor da Taxipass Marcello Betone. Há 32 mil taxistas legais cadastrados na Prefeitura.Taxista há cerca de um ano, Murilo Ewald, de 45 anos, foi um dos cinco primeiros a instalar na quinta-feira o equipamento, pago pela empresa. ?Acredito que 80% dos meus passageiros vão preferir pagar com o cartão.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.