Em SP, trânsito intenso, mas sem problemas

O trânsito está intenso mas sem grandes problemas de congestionamento nas principais rodovias de São Paulo. De acordo com a Polícia Rodoviária e as concessionárias que administram as estradas, a única exceção acontece na Rodovia Castelo Branco, na região da Grande São Paulo, onde há seis quilômetros de congestionamento, no sentido capital-interior, desde Osasco, no quilômetro 19, até o quilômetro 25, em Barueri, por causa do excesso de veículos.Nas Rodovias Dutra, Raposo Tavares, Ayrton Senna, Tamoios, Padre Manuel de Nóbrega, Piaçaguera-Guarujá e Carvalho Pinto, o tráfego segue normal, sem registro de acidentes graves nas últimas horas. Os motoristas que seguem viagem pelo Sistema Anchieta-Imigrantes enfrentam tráfego pouco acima do normal, porém sem trechos de parada.Segundo a Ecovias, concessionária responsável pelo sistema, neste momento está em vigor o esquema 4 x 3, com a descida para a Baixada Santista sendo feita pela Via Anchieta e o retorno à capital paulista pela Rodovia dos Imigrantes. A previsão da empresa é de que durante os dias do feriado prolongado deverão circular pelas duas estradas entre 190 e 300 mil veículos, dependendo as condições do tempo.Até o momento, desceram para o litoral pouco mais de 30 mil carros, com a passagem de 3,9 mil carros por hora pelos pedágios. No Sistema Anhanguera-Bandeirantes, a Autoban estima que deverão trafegar pelas duas rodovias no feriado prolongado de Nove de Julho entre 230 e 281 mil veículos.A concessionária informa que utilizará todo o seu efetivo neste período. Assim, além do helicóptero de resgate e cerca de 150 funcionários, os usuários ainda terão à disposição 60 viaturas, entre guinchos leves e pesados, ambulâncias e caminhões-pipa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.