Embaixo dos caracóis

Tutty Vasques escreve todos os dias no portal Estadao.com.br, de terça a sábado neste caderno e aos domingos no caderno Aliás

Tutty Vasques, O Estadao de S.Paulo

03 Outubro 2008 | 00h00

O perito que for à casa da Xuxa com autorização judicial para atestar - ou não! - o dano psicológico reclamado pela apresentadora na 48ª Vara Cível do Rio deve conter o entusiasmo no exame da prova. Sua missão - é bom que se lembre - será quantificar tão-somente a parte que teria sido lesada pela exposição em programa da Band de fotos da Rainha dos Baixinhos nua, prejuízo moral avaliado pelos advogados de acusação em R$ 5 milhões. Tudo mais que porventura seja diagnosticado em torno dos neurônios da loura não cabe em ação contra terceiros. Por exemplo: a guerra de bolo de chocolate que Xuxa travou ao vivo com Ana Maria Braga no Mais Você de ontem nada tem a ver com o dano psicológico em questão. O assunto é complexo. Tem gente que leva anos em psicanálise tentando desembaraçar seus traumas para atacá-los separadamente, como convém. Se surgir um perito bom nesse negócio, todo mundo vai entrar na Justiça para garantir o seu. BOLSA PANETONE Carla Bruni está no pacote de Natal que Lula prepara para o fim do ano do brasileiro. A iniciativa privada ficou de engrossar o caldo trazendo Amy Winehouse para o réveillon. O bacalhau ainda é dúvida! SEM BÚSSOLA Amigos de Gilmar Mendes estão perplexos. O fim do mundo a bombordo e o presidente do STF segue preocupadíssimo com grampos a boreste. Goleiro homônimo Entreouvido nos corredores do Palácio do Planalto: "E o Fernando Henrique, hein?! Não salva nem o Fluminense." Alta rotatividade A revista Forbes já deve estar preparando uma edição extra com a reclassificação das maiores fortunas do mundo. Se a crise perdurar, a lista deverá ser atualizada semanalmente nas bancas. Agenda positiva Até que, em relação à chuva, a Bovespa não tem caído muito. Em 24 horas, desabou em São Paulo 33% dos 129,5 mm previstos para todo o mês de outubro. Essas coisas a oposição não vê. Ô, raça! Povão de farda Uma pena que a ocupação acabe já no domingo. Mais uma semana de convivência nas comunidades cariocas, e a banda do Exército seria atração no baile funk do Complexo do Alemão. Faz sentido! Acompanhando de longe o Mundial de Futsal em Brasília, Dunga teve uma idéia: vai sugerir à CBF um amistoso com a seleção das Ilhas Salomão para logo depois da próxima rodada pelas Eliminatórias da Copa. Quer elevar a auto-estima da rapaziada. Sonolência O intervalo na propaganda política gratuita nos meios de comunicação muda temporariamente o fuso horário do brasileiro. Perde-se agora uma hora a mais por dia diante da TV.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.