Embarcação afunda no litoral do Ceará

Um barco com 22 pessoas a bordo afundou no sábado à noite em Fortim, litoral leste do Ceará, a 125 quilômetros de Fortaleza. Uma mulher morreu e um rapaz está desaparecido. Dois feridos foram levados para o Instituto Dr. José Frota (IJF), em Fortaleza.A embarcação estava alugada ao Projeto Netuno, uma escola de mergulho com sede na capital cearense. A escola costuma oferecer mergulhos na Praia de Fortim durante os finais de semana. A saída acontece sempre sábado à noite, de Fortaleza, com retorno previsto no domingo à noite.De acordo com informações do soldado Francisco Olímpio dos Santos Neto, da Polícia Militar do Ceará, o acidente aconteceu por volta das 22h30. O barco estava no mar seguindo em direção ao Rio Jaguaribe, quando foi colhido por uma onda gigante. Segundo o PM, ventos fortes são comuns no litoral cearense nesta época do ano.Natália Furtado Ribeiro de Almeida Barros, de 36 anos, não conseguiu pular. Morreu presa nas ferragens. O corpo dela foi encontrado neste domingo de manhã quando equipes do Corpo de Bombeiros e da Capitania dos Portos conseguiram retirar a embarcação do mar. Ricardo Valente de Araújo, de 21 anos, ainda estava desaparecido até a tarde deste domingo.De acordo com um dos sobreviventes, todas as pessoas que ocupavam o barco tinham experiência em mergulho. "Foi uma fatalidade", comentou, sem querer ser identificado. A reportagem tentou ouvir os responsáveis pelo Projeto Netuno, mas ninguém foi localizado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.