Emboscada fere agentes penitenciários em São Vicente

Foi uma ação muito rápida: por volta das 19h30 de ontem, o ônibus em que viajavam 20 agentes penitenciários da Penitenciária II, de São Vicente, foi cercado na rodovia Manoel da Nóbrega e ocupantes de carros passaram a atirar com armas pesadas, fuzis e pistolas calibre 380. Pouco depois, 12 agentes foram conduzidos com ferimentos de bala ao pronto-socorro de Cidade Ocian, em Praia Grande, quatro deles em estado grave.Sobreviventes contaram que telefonemas anônimos na semana passada ameaçavam os agentes de seqüestro para exigir como resgate a liberdade de presidiários. Segundo a delegada Edna Pacheco Garcia, ?não houve tentativa de abordagem do ônibus?. Até o início da madrugada de hoje não havia pistas dos autores da emboscada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.