Empresa de ônibus continua paralisada em SP

Das empresas do Consórcio Aricanduva, que atendem às zonas Leste e Sul da capital, a Viação América do Sul é a única que continua paralizada por falta de pagamento do salário de outubro para os 1700 funcionários. Trata-se de uma empresa de porte médio, operando com 291 coletivos, em 30 linhas. O plano de emergência da SPTrans conseguiu acionar 61 ônibus de outras empresas para substituir os que estão recolhidos em garagem.

Agencia Estado,

11 de novembro de 2002 | 07h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.