Empresária paga multa de R$ 213.000 por dirigir embriagada

A empresária estava tão embriagada, em agosto do ano passado, que conseguiu bater em três carros estacionados, ao mesmo tempo, numa rua de Oslo. A polícia detectou 10 vezes o máximo permitido de álcool em seu sangue. Agora, ela recebeu a sentença pela infração: a multa recorde de 500.000 coroas norueguesas (R$ 213.000), segundo noticiou, hoje, o jornal Verdens Gang.As multas por dirigir embriagado, na Noruega, normalmente eqüivalem a um mês do salário anual do transgressor ? no caso da rica empresária, retiradas no valor de 6 milhões de coroas (R$ 2.580.000).A mulher, cujo nome e idade foram omitidos dos documentos do tribunal, também recebeu sentença de 25 dias de prisão, suspensa sob condição de que ela freqüente uma associação contra abuso de álcool.Segundo o jornal, ela tinha bebido mais de 11 taças de vinho antes de assumir a direção e fazer um percurso de 100 metros que terminou no abalroamento do três carros estacionados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.