Empresário Arthur Sendas é baleado e morre no Rio

Ele estava em seu apartamento; levado para hospital, não resistiu ao ferimento na cabeça

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

20 Outubro 2008 | 05h48

Na madrugada desta segunda-feira, o empresário Arthur Sendas, 72 anos, dono da rede varejista de supermercados Sendas, morreu após ser baleado na cabeça no interior de seu apartamento, na Avenida Delfim Moreira, no bairro do Leblon, na zona sul do Rio.   Encaminhado por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ao Hospital Samaritano, em Botafogo, o empresário não resistiu ao ferimento e faleceu por volta das 3 horas.   O titular da 14ª Delegacia, do Leblon, Alberto Lage, e o perito Hélio Martins, do Instituto de Criminalística Carlos Éboli, estiveram no local, onde duas perícias já foram feitas. Uma perfuração à bala foi encontrada na porta de entrada de serviço do apartamento.   O ex-técnico do Vasco e delegado de polícia, Antonio Lopes, amigo do empresário, também esteve na delegacia do Leblon. Nenhum suspeito foi detido até o momento.

Mais conteúdo sobre:
Arthur Sendastiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.