Divulgação/Polícia Federal
Divulgação/Polícia Federal

Empresário é preso no RS com equipamento de recarga de munição

PF apreendeu 7 armas em sua residência, sendo 4 pistolas e 3 armas longas sem registro

Solange Spigliatti, do estadao.com.br

30 de março de 2010 | 08h11

Um empresário do setor de exportação e importação foi preso em flagrante no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, no sábado, 27, ao ser flagrado com maquinário para recarga de munição de calibre restrito em sua bagagem de mão.

 

Após receber informação da PF em São Paulo, agentes federais do Rio Grande do Sul flagraram o empresário transportando equipamento para recarga de munição de diversos calibres, inclusive para fuzil AR-15 e pistola .40, ambos de calibre restrito. O maquinário, avaliado em U$ 6,2 mil, necessita de autorização especial do Exército Brasileiro para ser importado.

 

O homem, de 56 anos, partiu de Miami, nos estados Unidos, em voo com conexão em São Paulo, e desembarcou no Aeroporto Salgado Filho no final da tarde de sábado, 27. Ao passar pelo raio-x, foi identificada grande quantidade de metal em sua bagagem. O empresário foi abordado, detido e encaminhado à Superintendência da Polícia Federal para ser ouvido. Ainda foram apreendidas sete armas em sua residência, sendo 4 pistolas e 3 armas longas sem registro federal, além de munições.

 

O empresário já havia sido preso pela PF em 1990 por tráfico de munições de calibre .45 trazidas dos Estados Unidos. Ele será indiciado por contrabando e posse ilegal de arma de fogo, com pena que pode chegar à 7 anos de reclusão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.