Encanador é morto após briga em festa

O encanador Valdemir Bercieli, de 35 anos, funcionário de prefeitura de Batatais, na região de Ribeirão Preto, foi assassinado na madrugada de hoje com dois tiros na nuca, após separar uma briga. O incidente ocorreu durante a festa popular de carnaval promovida no centro pela administração municipal, já que mais uma vez não houve desfile de escolas de samba, tradicional na região, neste ano. Bercieli havia ajudado a separar algumas pessoas que brigavam. Depois, ele entrou na caminhonete da prefeitura, com outros dois colegas, que também estavam trabalhando na retaguarda do evento. O servente de pedreiro Júlio César Herrera, de 18 anos, um dos briguentos, aproximou-se e disparou dois tiros em sua nuca. Bercieli foi socorrido, mas morreu ao chegar no Hospital Major Antonio Cândido. Herrera foi preso em flagrante e levado à Cadeia de Batatais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.