Encerrada rebelião de presos em Minas Gerais

A Polícia Militar de Minas anunciou hoje à tarde que terminou, depois de 37 horas, a rebelião de 74 presos da Penitenciária Dênio Moreira de Carvalho, em Ipaba, a 255 quilômetros de Belo Horizonte. Segundo a PM, os detentos, que iniciaram o movimento na manhã de sexta-feira, dominando carcereiros e destruindo um dos quatro pavilhões, conseguiram garantias de que a direção do presídio seria afastada e de suspensão de transferências que estavam programadas. Os 30 agentes penitenciários que eram mantidos reféns começaram a ser liberados por volta das 16h30 e não havia indícios de que estivessem feridos. As negociações para o fim da rebelião foram concluídas entre os presos, o superintendente de Organização Penitenciária de Minas, José Karam, e o deputado estadual Durval Angelo (PT).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.