Encontrados supostos destroços de caça da FAB

Duas equipes de terra da Base Aérea de Canoas localizaram destroços que podem pertencer ao caça F-5 da Força Aérea Brasileira (FAB), desaparecido no início da noite deste domingo. Um avião Bandeirantes, de Canoas, e um helicóptero de Santa Maria sobrevoam a área de Morro Grande, a 18 quilômetros do centro de Rolante, no Vale do Sinos. Equipes de socorro da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros estão na região. Ainda não há informações sobre o piloto, cujo nome ainda não foi divulgado.A região onde ocorreu o acidente é de difícil acesso. Na noite de ontem, equipes de resgate procuravam vestígios do acidente, mas tiveram de interromper as buscas, retomadas no início desta manhã. A aeronave decolou às 18h10min da Base Aérea de Canoas, na Região Metropolitana, com destino à Base Aérea de Santa Cruz, no Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.