Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Engenheiro é morto dentro de empresa no interior de SP

Um engenheiro da Sabesp foi morto ontem a tiros dentro do escritório da empresa em Fernandópolis, região de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. De acordo com a polícia, o engenheiro José Carlos de Lemos, de 40 anos, e quatro funcionários participavam de uma reunião quando foram surpreendidos pelo advogado Edilberto Pinatto, sócio da vítima e acusado pelo assassinato.Ainda segundo a polícia, o advogado entrou na sala e efetuou dois disparos contra o engenheiro que, mesmo ferido, conseguiu chegar à sala dele, que fica no mesmo prédio. Lá, o engenheiro pegou uma arma e tentou atirar contra o advogado, mas acabou morrendo com um tiro no peito. Os disparos também atingiram uma funcionária na perna. Ela foi atendida na Santa Casa e logo liberada.O advogado Edilberto Pinatto trabalha num edifício no centro de Fernandópolis. Ele está foragido e a polícia está tentando descobrir os motivos que o levaram a matar o engenheiro José Carlos de Lemos. Os dois eram amigos e tinham negócios juntos. As informações são do Bom Dia SP, da TV Globo.

Agencia Estado,

26 de novembro de 2002 | 10h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.