Epidemia de dengue no MS causa oitava morte neste ano

A esteticista Cristina Marques Rumiatto, 45 anos, é a oitava vítima este ano da epidemia de dengue no Mato Grosso do Sul a morrer em decorrência da doença. Ela faleceu nesta sexta-feira, 9, durante a madrugada, no Hospital Santa Rita, em Dourados, a 220 quilômetros de Campo Grande.Há 18 dias, foi internada com sintomas de forte gripe, sofreu parada cardíaca motivada pelo choque da febre alta causada pela dengue hemorrágica. Segundo informações do hospital, a morte foi causada por hemorragia generalizada.O superintendente de Vigilância Sanitária do Estado, Eugênio Barros, informou que mais de 46 mil pessoas tiveram os sintomas da doença em Mato Grosso do Sul este ano. Em Campo Grande, as notificações somam oficialmente 32 mil casos, sem nenhum óbito. Dourados já registra 1.921 casos e agora uma morte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.