Esclarecimentos chegam a 47%, segundo o governo

O combate aos crimes contra o patrimônio é uma das principais prioridades na gestão do secretário da Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto. Na avaliação da pasta, os crimes contra a vida, como homicídio e latrocínio, vêm registrando queda. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), no Estado de São Paulo, a taxa de homicídios é de 11,2 para um grupo de 100 mil habitantes, sendo que a média nacional é de 24,5. A SSP também considera satisfatório o índice de esclarecimento dessa modalidade de crime. A pasta informou que o índice mundial considerado bom é de 30% a 35% e que, em São Paulo, o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) atingiu a marca de 47%.Ainda de acordo com a SSP, as investigações dos casos de latrocínios são mais complexas. Na avaliação da Polícia Civil, a maioria das vítimas de latrocínio é homem e, geralmente, acaba baleado pelo assaltante por causa de um gesto inesperado. A estatísticas mostram que os latrocínios vêm caindo em São Paulo. Em abril foram registrados 13 crimes, 8 em maio e 4 em junho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.