Escola do interior de São Paulo instala câmeras em banheiros

A instalação de câmeras de segurança nos banheiros da Escola Municipal Ana Berling Macedo, em São José dos Campos (SP), está provocando polêmica entre pais, alunos e a direção da escola. Na quinta-feira, 30, algumas mães registraram boletim de ocorrência alegando invasão da privacidade dos alunos, que estariam sendo constrangidos. A polícia vai investigar se a instalação, da forma como foi feita, não fere os direitos dos alunos.A colocação das câmeras, segundo a direção da escola, foi a maneira encontrada para coibir o vandalismo e proteger o patrimônio público. "Há muito sumiço de torneiras, as portas são quebradas, os banheiros, entupidos. É uma questão de segurança e de preservação do patrimônio", afirmou a vice-diretora S.T., que pediu para não se identificar.Na semana passada, uma equipe da Secretaria Municipal de Educação fez vistorias na escola e aprovou a colocação das câmeras, que se restringem às áreas de circulação e não focam o interior dos banheiros. Segundo a vice-diretora, os equipamentos só foram colocados depois da aprovação do conselho da escola, que inclui representantes dos pais e alunos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.