Espírito Santo vai receber R$ 50 milhões para segurança

O governo federal vai repassar R$ 50 milhões ao Espírito Santo para melhoria das polícias e construção de um módulo penitenciário de segurança máxima.Ao receber nesta quarta-feira o governador capixaba Paulo Hartung (PSB) no Palácio do Planalto, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se dispôs a ir a Vitória até o final deste mês para apoiar o trabalho conjunto das polícias Civil, Militar e Federal e do Ministério Público de combate ao crime organizado.A chefia de gabinete da Presidência avalia a possibilidade de a visita ocorrer no próximo dia 22, como se cogitou no encontro. ?O combate ao crime organizado não é uma questão simples, mas vamos resolver esse problema no meu período de governo?, teria dito Lula ao governador. ?Fiquem seguros, vamos enfrentar essa questão.?Há oito dias, o juiz Alexandre Martins de Castro Filho foi executado com três tiros em Vila Velha. A polícia investiga o envolvimento do Coronel Ferreira, ex-oficial da PM, acusado de ser o braço armado do crime organizado capixaba, no assassinato. Ferreira está preso no Acre. Também participaram da audiência os ministros da Casa Civil, José Dirceu, e da Fazenda, Antônio Palocci.Dos recursos disponibilizados pelo Plano Nacional de Segurança Pública, cerca de R$ 30 milhões serão destinados à construção de um módulo penitenciário em Viana, município da Grande Vitória. A federalização de uma unidade de segurança máxima no Estado foi proposta pelo ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos.O porta-voz da Presidência, André Singer, disse que o governador informou ao presidente que o Estado vai aderir ao sistema único de segurança pública, proposto pelo governo. Veja o especial: Veja o índice de notícias sobre os novos governos dos Estados

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.