Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Está no Espírito Santo? Envie sua foto e vídeo para o 'Você no Estadão'

Aplicativo disponível para iOS e Android facilita a participação dos leitores na cobertura da crise de segurança na Grande Vitória; saiba como participar

O Estado de S.Paulo

07 Fevereiro 2017 | 11h37

VITÓRIA - A região metropolitana de Vitória vive uma onda de violência e medo desde sábado, 4, após o início de protestos de familiares de policiais militares, que cobram aumento salarial para a categoria. Foram registrados homicídios, assaltos, saques, arrombamentos de lojas e dois ônibus foram incendiados.

Mora na Grande Vitória ou em alguma cidade do interior capixaba e registrou algo anormal ou uma ocorrência criminosa? Mande sua foto, vídeo ou relato pelo aplicativo Você no Estadão. Os dados são enviados diretamente para os jornalistas na redação do Estado, que analisam o conteúdo.

Disponível nas lojas de aplicativos para iOS e Android, o Você no Estadão facilita a participação dos leitores na produção de conteúdo. Para enviar suas fotos e vídeos ao jornal, o usuário deve baixar o aplicativo em seu smartphone ou tablet. Faça o download do app aqui

Cadastro. Após fazer o download nas lojas virtuais Google Play ou iTunes, o usuário precisa se cadastrar no aplicativo, que pode ser feito a partir das informações do usuário no site do jornal ou por meio da conta do Google. Em seguida, já é possível enviar o conteúdo diretamente ao Estado com o botão "Tirar foto ou vídeo".

Para detalhar o que pretende enviar, o autor pode adicionar título, legenda e local onde o registro foi feito. O programa pode utilizar informações de geolocalização do aparelho para descobrir onde está o usuário, caso a opção esteja selecionada.

Além do aplicativo,  é possível enviar fotos e vídeos a partir do site do Você no Estadão, que pode ser acessado diretamente pelo navegador. Após o material ser publicado, o leitor pode compartilhá-lo com amigos em redes sociais como Facebook, Google+, Twitter e LinkedIn.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.