Estiagem no Sul e chuvas no Sudeste deixam municípios em emergência

MG já teve quatro mortes neste ano; no RS, 33 cidades enfrentam problemas desde dezembro

Estadão.com.br,

03 Janeiro 2012 | 17h48

PORTO ALEGRE e SÃO PAULO - Enquanto temporais castigam parte da região Sudeste, o Rio Grande do Sul vive uma estiagem prolongada que levou sete municípios a decretarem situação de emergência para a Defesa Civil nesta segunda-feira. Com as novas notificações, desde o início de dezembro 33 cidades do Estado já decretaram situação de emergência ao órgão.

Municípios da região metropolitana de Porto Alegre que estavam sob racionamento de água foram beneficiados pela chuva de sábado, que elevou o nível do Rio dos Sinos: Novo Hamburgo suspendeu o racionamento e São Leopoldo relaxou a medida.

Minas Gerais. Em Minas Gerais, segundo o último boletim da Defesa Civil do Estado, 52 cidades estão em situação de emergência por causa das chuvas. São cerca de 2,1 milhões de atingidos e os temporais devem continuar nesta terça-feira, de acordo com o órgão.

Na madrugada desta terça-feira, um deslizamento de terra atingiu a rodoviária municipal de Ouro Preto e soterrou dois taxistas, divulgou a Defesa Civil. Em Itabirito, a 55 km de Belo Horizonte, um rio transbordou e alagou parte da cidade.

Deslizamentos interditaram algumas das principais rodovias do Estado. O tráfego na Fernão Dias, no sentido São Paulo, foi interrompido por causa do transbordamento do Rio Pará.

Rio e ES. No Rio de Janeiro, a redução das chuvas na região serrana fez com que Nova Friburgo decretasse estágio de atenção, menos grave que o estado de alerta que a cidade se encontrava ontem.

Mas o Ministério Público do Estado do Rio pede que a população mantenha atenção ao sistema de alarme e deixe as residências para pontos preestabelecidos em caso de aviso sonoro.

No Espírito Santo, 18 municípios foram afetados pelas chuvas, de acordo com a Defesa Civil do Estado. São mais de 10 mil pessoas afetadas e 381 edificações danificadas, contabiliza o órgão. /COM INFORMAÇÕES DE ELDER OGLIARI, DE O ESTADO DE S.PAULO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.