Estudante atacada por tubarão em PE está fora de perigo

A estudante de fisioterapia Naiane Cordeiro Barbosa, de 24 anos, atacada na tarde do sábado por um tubarão na Praia de Piedade, não corre risco de morrer. Ela sofreu lesões na parte superior traseira da coxa direita e nas duas nádegas, que comprometeram pequenos vasos. De acordo com a Rádio CBN, a jovem foi socorrida por um salva-vidas do Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros e levada para o Hospital da Aeronáutica. Depois, foi transferida para o Hospital da Restauração.

Agencia Estado,

23 de maio de 2004 | 13h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.