Estudante é morta durante tentativa de assalto no Rio

Bandido atirou na estudante de 17 anos depois que ela tentou fugir do assalto

Clarissa Thomé, O Estado de S. Paulo

01 de junho de 2008 | 17h23

A estudante Carolina Pereira Franco, de 17 anos, foi morta a tiros na noite de sábado, 31, após uma tentativa de assalto na Rua Nonato Farias, em São Gonçalo. A jovem chegava à casa com o pai, o sargento da Polícia Militar Edílson da Silva Franco, lotado na Companhia de Cães, num Palio Weekend, quando dois homens anunciaram o assalto.  Um dos assaltantes apontou a arma para a cabeça de Carolina, no momento em que ela abria o portão da garagem da casa. A jovem correu e o criminoso atirou. O sargento ainda trocou tiros com os homens, mas eles fugiram. Franco não ficou ferido. Carolina foi levada para o Hospital Estadual Alberto Torres, no bairro Columbandê, onde morreu. Franco pediu ajuda ao 7.º Batalhão (São Gonçalo) e ainda percorreu a região, em busca dos assaltantes, mas os criminosos não foram encontrados. O corpo de Carolina foi enterreado no Cemitério Parque da Paz, em São Gonçalo, na tarde deste domingo.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.