Estudante é preso em manifestação

O estudante Hélio Menezes de Sacramento, de 23 anos, foi preso durante a Caminhada em Defesa da Educação, que reúne cerca de 30 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Segundo a Polícia, Hélio Menezes, que estuda História na Universidade Católica de Salvador, estava incitando os outros estudantes a jogaram pedras, copos e pedaços de pau nos policiais. O grupo de estudantes tentou furar o cordão de isolamento feito pelos policiais em frente aos Ministérios. Cerca de 4 mil policiais estão fazendo a segurança local, dos quais 120 são da polícia montada e 400, do batalhão de Polícia de Choque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.