Estudante morre em festa em Fernandópolis

A Polícia Civil de Fernandópolis, interior de São Paulo, apura as circunstâncias da morte da estudante de Medicina Mariana Finazzi, de 20 anos. Ela participava de uma festa junina promovida por colegas, numa chácara. Por volta 2h30 de ontem, Mariana passou mal e foi levada para a Santa Casa, mas chegou morta. "Foram retiradas amostras de sangue e vísceras para exames que vão apontar se ela usou álcool ou entorpecente", disse o delegado Diomar Pedro Durval. Mariana morava em São João da Boa Vista e se mudou neste ano para Fernandópolis para estudar.O pai da jovem, o ginecologista Sérgio Finazzi, acompanhou os trabalhos no IML. A mãe, Luzia, disse que conversou com a filha antes da festa e estava tudo bem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.