Estudante tenta o suicídio dentro de escola em SP

Uma estudante tentou o suicídio esta manhã em pleno banheiro de uma escola, na região metropolitana de São Paulo. A aluna P. P. R., de 17 anos, foi encontrada com os pulsos cortados com cacos de vidro. Com ela, os policiais que atenderam a ocorrência acharam também embalagens dos medicamentos Tylenol, Ciloniurum e Hidroclorotiazido. Segundo o Centro de Operações da Polícia Militar de Osasco, o caso aconteceu na Escola Estadual Desembargador Edgard de Moura Bittencourt, no município de Carapicuiba. A estudante revelou que estava tentando se matar ingerindo esses remédios. Como os medicamentos não surtiram o efeito desejado, ela decidiu cortar os pulsos com vidro. Muito deprimida, a menor contou ainda que a tentativa de suicídio aconteceu porque ela é apaixonada por um rapaz que estuda no mesmo colégio e que o mesmo teria se recusado a namorá-la porquê já mantém relacionamento com outra menina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.