Estudantes são esfaqueados em saída de festa

O auxiliar de produção Fernando Augusto da Fonseca, de 23 anos, é suspeito de tentar matar, a golpes de faca, três estudantes universitários, na saída de uma festa, num clube próximo à rodovia Transbrasiliana (BR-153), em São José do Rio Preto, a 450 quilômetros de São Paulo.Ele foi preso em flagrante na madrugada desta sexta-feira por policiais militares quando fugia a pé e tentava pegar uma carona. As vítimas são os estudantes Rodrigo Rodrigues Zanforlim, Álvaro Mattos da Cunha Neto e Vagner Lobão Costa. Eles participavam de uma festa promovida por alunos do curso de medicina de uma faculdade de Rio Preto, quando, por volta das cinco horas, teriam se envolvido numa briga com Fonseca e foram agredidos.Os estudantes foram levados para o Hospital de Base de Rio Preto, onde foram operados. Segundo a assessoria do hospital, o caso mais grave é o de Cunha Neto, que teve perfurações no intestino, no baço e na veia renal.Segundo informações da polícia, Fonseca já cumpriu pena por tráfico de drogas e estava em liberdade condicional. Ao ser preso, afirmou que agiu em "legítima defesa", uma vez que os estudantes teriam mexido com uma amiga dele.

Agencia Estado,

25 de abril de 2003 | 20h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.