Estudo traça plano estratégico para a Cidade de Deus

Um estudo inédito, elaborado por entidades empresariais e comunitárias do Rio, será apresentado sábado, às 9 horas, à comunidade da Cidade de Deus, em Jacarepaguá, na zona oeste da cidade. Coordenado pelo Serviç o Social do Comércio (Sesc) do Rio de Janeiro, o Projeto Cidade de Deus faz um diagnóstico dos problemas mais graves da comunidade e traça um plano estratégico para os próximos cinco anos, nas áreas de saneamento, habitação, meio ambiente, educação, trabalho, saúde, cultura e esporte. O objetivo do projeto, de acordo com o Sesc, é deflagrar um processo sustentável para a redução da violência e para odesenvolvimento social na região. Construída em 1966, para abrigar moradores de favelas erradicadas da zona sul do Rio, a Cidade de Deus abriga hoje 45 mil pessoas, sendo que 50% estão na faixa de zero a 17 anos. O estudo revela, entre outros dados, que a Cidade de Deus tem o menor índice de redução do analfabetismo e o maior número de desempregados entre as favelas do município do Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.